Início

Paródia baseada na canção do exilio de Gonçalves Dias

Deixe um comentário

Viviana - 8ª série - Escola Inspetor João Ferraz

Viviana – 8ª série – Escola Inspetor João Ferraz

 

“Minha escola

Minha escola é colorida

Onde todos são unidos

Professores e alunos

São todos divertidos.

 

Nossos professores tem mais sabedoria

Nas aulas tem mais alegria

Nossos amigos tem mais harmonia

Nossa vida é mais divertida.

 

Minha escola é colorida

Onde as pessoas se encontram lá

Em pensar sozinha a noite

Mais amigos encontro lá.

 

Não permita Deus que

Eu saia da escola

Antes de me formar, pois

Sem os professores e colegas

Não consigo chegar lá.”

Anúncios

Feira do Livro em Palmeira das Missões

Deixe um comentário

No dia 07 de novembro, os alunos da escola Inspetor João Ferraz fizeram uma visita a feira do livro realizada em Palmeira das Missões. Essa atitude demonstra uma grande importância para os alunos em participarem da feira, conhecendo outros ambientes referentes à educação. Os alunos conheceram alguns escritores que estiveram presentes, dentre eles Rovana Chaves de Palmeira das Missões e Uili Bergamin de Bento Gonçalves, colunista em jornais e revistas de circulação em Caxias do Sul e região.

Bergamin afirma que adquiriu o gosto pela leitura desde cedo, mesmo não tendo condições para comprar livros. Sendo de uma classe social desfavorecida, não deixou de adquirir o gosto pela leitura, praticando-a de diversas formas, assim como o gosto pela escrita. Outro escritor presente no evento foi Kalunga, que também é poeta, contista, animador cultural, compositor, oficineiro e palestrante. Possui 18 livros publicados para o público infantil e infanto-juvenil. Gravou três CDs para o público infantil e teve muitos dos seus livros adaptados para o teatro. Várias das suas poesias constam de coletâneas para alunos das séries iniciais.

A direção da escola parabeniza a professora Josiane Grolli, pela iniciativa de organizar as turmas e levá-las ao evento.


Escola Ulmerindo Machado também visita a feira do livro

Alunos com o personagem da turma do nosso amiguinho, na feira do livro em Palmeira das Missões.

Alunos com o personagem da turma do nosso amiguinho, na feira do livro em Palmeira das Missões.

Professoras e alunos da escola Ulmerindo Machado conferindo as obras da feira.

Professoras e alunos da escola Ulmerindo Machado conferindo as obras da feira.

Síntese da História: “A Bolsa Amarela”

1 Comentário

O livro “A Bolsa Amarela” de Ligia Bojunga relata a história de uma menina chamada Raquel que ainda criança tinha três vontades- queria ter nascido menino  queria ser gente grande (adulto)  de ser escritora. Pois tinha seus motivos para lutar por suas vontades, por que ela não se dava bem com os seus familiares não era amiga dos três irmãos e nem de seus pais. Pois tudo que ela fazia eles a criticavam e Raquel pensava que se fosse gente grande, todos iam compreendê-la.

Ela queria  ter nascido garoto por que achava que ser garoto tinha mais liberdade, que poderia fazer ou brincar de tudo que quisesse (com por exemplo empinar pipa). Ela queria ser escritora, por que na ausência de alguém para conversar ela inventava personagens e escrevia para eles. Gostava muito do que fazia, escrevia muitos romances, mas se seus irmãos lessem contavam pra todo mundo e todos zombavam dela.

Um dia ela escreveu um romance, que falava de um galo que tinha fugido do galinheiro, por que o seu dono e todas as galinhas de lá eram muito chatas, seu irmão achou sua historia, riu muito e zombou dela.

A menina tinha uma tia chamada Brunilda, que era muito rica, comprava muitas roupas que via e rapidamente as doava juntamente com outras coisas para a família de Raquel.

Um certo dia a irmã dela chegou em casa com uma sacola cheia de roupas, todos pegavam as peças de roupas e quando chegou  a vez de Raquel, só tinha sobrado uma bolsa amarela.

No dia seguinte a menina se acordou com o cantar do galo, se assustou, e olhou dentro da bolsa amarela e tinha um galo lá dentro. O galo do romance que fugiu do galinheiro.

O galo ficou morando na bolsa, para se esconder de seu dono  que estava a sua procura, o nome do galo era Afonso, e para ele não ficar sozinho Raquel também guardou dentro da bolsa um guarda chuva quebrado, um alfinete de fralda de bebê,  juntou tudo isso e guardou bem no fundo da bolsa  para ninguém descobrir. Raquel viveu várias aventuras com seu amigo galo.

No fim da historia, Raquel entendeu que ser garota era tão bacana quanto ser  garoto, e também começou a curtir a vida de criança. Porem, não desistiu de sua vontade de ser escritora e lutou até o fim.

Alunas: Luciana Signori e Tuane Binello – 8ª série Escola Inspetor João Ferraz

DSCN3098

Atividades desenvolvidas com a história do livro de Lygia Bojunga, “A Bolsa Amarela” (2013))

Deixe um comentário

Num primeiro momento foi realizada a leitura individual do livro. Após, os alunos confeccionam uma bolsa para ser entregue à direção da escola com os sonhos e desejos da turma para o educandário, já que eles estão deixando a escola este ano. Também foi realizado um debate entre a turma sobre os principais tópicos da história. Em seguida, com a turma dividida em duplas, cada uma descreveu a história do livro de acordo com sua visão. Veja alguns momentos da atividade realizada nas aulas:

Alunos juntamente com a professora Josiane.

Alunos juntamente com a professora Josiane.

Entrega da bolsa com os sonhos à diretora.

Entrega da bolsa com os sonhos à diretora.

Ao fim da atividade, cada um deu sua opinião sobre o livro e o trabalho realizado em aula. Clique nas imagens abaixo para ler as descrições:

Opiniões dos alunos da 8ª série sobre a história e o trabalho realizado com a mesma

Síntese do Texto produzida pelas alunas Luciana e Tuane

Aniversariantes do 1º semestre da Ulmerindo Machado (2013)

Deixe um comentário

A Escola Ulmerindo Machado, realizou ao fim do 1º semestre deste ano, uma festa para todos os alunos, professores e funcionárias da escola, que comemoraram aniversário entre os meses de janeiro e junho.

Festa de São João 2012

Deixe um comentário

Casamento Caipira, interpretado pelos alunos da Escola José Bonifácio, na Festa de São João do educandário em 2012.

Alunos visitam as ruínas de São Miguel (2011)

Deixe um comentário

Cópia de SAM_0158Os alunos das turmas de 4ª série das escolas municipais, juntamente com seus professores, realizaram no dia 25 de novembro uma viagem de estudo a mais lembrada e conhecida cidade dos Sete Povos das Missões: São Miguel, nas famosas ruínas da cidade, onde há muito tempo atrás diversos acontecimentos marcaram a história do Rio Grande do Sul.

Older Entries